Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Sex | 22.09.17

Comprometo-me a reduzir a minha pegada ecológica #1

IMG_20170920_181229.jpg

Lembram-se que na passada sexta-feira, foi o Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozono?

Pois bem, eu não me esqueci da promessa que fiz nesse dia (aqui): 20 medidas para reduzir a minha pegada ecológica.

 

Ora, então, já estou embalada para lançar a primeira:

#1 - Vou reduzir nas embalagens!

 

E como, se tudo o que compramos vem embalado em plástico ou cartão (ou em plástico e cartão)?

 

A regra é  esta:  COMPRAR PEQUENO E COMPRAR GRANDE.

 

O que vou comprar pequeno:

- Produtos concentrados, tais como detergentes e amaciadores. Já repararam na diferença de tamanho entre uma embalagem de amaciador clássico e uma de concentrado, com o mesmo número de doses? E sabiam que, por exemplo, nos detergentes líquidos clássicos, cerca de 80% do produto é água?

- Embalagens de café: Alguém me consegue explicar a razão pela qual as cápsulas de café do Lidl vêm embaladas em plástico, dentro de outra embalagem de cartão? Será para aumentar a dimensão da embalagem e tornar o produto mais caro? Ou para gastar mais recursos a fabricar invólucros desnecessários? Já compararam com as cápsulas Nicola, que trazem uma embalagem quase 50% menor? E sem comprometer a qualidade do café?

 

O que vou comprar grande:

- Azeite, óleo, sumos, cereais, açúcar e conservas que, apesar de trazerem embalagens maiores, reduzem o desperdício. É óbvio que três garrafas de 1 litro de óleo usam mais plástico do que 1 garrafa de 3 litros. Ou uma lata de atum com 2 doses em vez de duas latinhas pequenas.

- Gel de banho, shampoo, pasta dentífrica.

- Alimentos embalados e congelados, tais como margarinas, filetes, tranches de pescada, salgados.

 

E ainda vou:

- Preferir comprar produtos sem embalagem, tais como carne, peixe, fiambre, optando por ir ao balcão em vez de tirar das prateleiras;

-  Evitar produtos com embalagem dupla: para que quero um gel anti-celulítico ou uma pasta dentífrica dentro de uma embalagem de cartão? Para amontoar no saco da reciclagem assim que chego a casa?

-  optar por embalagens recarregáveis. Há tantas que nos passam despercebidas: sabonete líquido, limpa-vidros, anti-gorduras…

 

 Estes produtos têm tendência a ser mais baratos porque reduzem os custos de produção. E se estivermos atentos às promoções, ainda a vantagem é maior: não estamos só a poupar o ambiente – estamos a poupar o nosso orçamento!

 

Vão por mim: PROTEGER O AMBIENTE É MISSÃO INTELIGENTE.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.