Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Sex | 20.10.17

Dá-me tampas (Comprometo-me a reduzir a minha pegada ecológica #5)

Quantas tampinhas consegue descobrir na imagem????

 

1836750_556834304420821_4063049542039450925_o.jpg

Quero crer que a recolha de tampinhas para projectos solidários já se tornou um hábito dos portugueses.

Há municípios, juntas de freguesia e associações em todo o país que recolhem e vendem as tampas de plástico para reciclagem, transformando o dinheiro das vendas em equipamentos médicos e ortopédicos (normalmente, cadeiras de rodas).

 

Sabemos exactamente que tampinhas separar?

 As tampinhas devem ser obrigatoriamente de plástico, preferencialmente de líquidos alimentares, como tampas de garrafas e garrafões de água ou refrigerante, iogurtes líquidos, e também de garrafas de óleo, shampoo, detergentes e vinho.

Mas atenção! Não podemos misturar tampas de embalagens de produtos perigosos ou que contiveram tintas, vernizes, gorduras, tampas de jerricans e similares!

 

Para os mais poupadinhos, poderia aconselhar a recolher as tampinhas de toda a família para vender a uma empresa de gestão de resíduos e ganhar uns tostões. Mas, considerando que cada quilo de tampinhas rende entre 20 a 30 cêntimos, valerá mesmo a pena?  

 

Retomando a pergunta do início do post, conseguiram descobrir as 9 tampinhas utilizadas para fazer os chapéus das minhas mondinas de alfazema?

Bastou pintá-las com tinta spray, colá-las com cola quente num círculo de feltro e decorar a gosto.

Com imaginação, podemos transformar as vulgares tampinhas coloridas em obras de arte, em brinquedos, em peças de decoração…

Aqui ficam algumas sugestões de fácil confecção, já a pensar no Natal.

Haja criatividade!

 

IMG_20171019_124826.jpg

 Fonte: Pinterest

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.