Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Qua | 15.05.19

É o que é!

 

VIDA.jpg

 

Quem passa aqui pelo meu blog, já percebeu que este mês é especial: celebrei as bodas de prata, o meu marido fez 50 anos, a minha filha está no último ano do curso universitário (isto ainda eu não tinha dito).

São episódios da vida marcantes. E, mesmo de modo inconsciente, sonhamos torná-los especiais.

 

Nas minhas divagações, idealizara organizar uma mega festa surpresa ao meu marido. Com a família e os amigos, mesmo aqueles que ele não vê há anos.

 

Ontem, apercebi-me de que também idealizara celebrar os 25 anos de casamento com uma festa em grande (talvez a mesma).

Voltava a enfiar o meu vestido de casamento (mesmo sem o abotoar nas costas  )e a reunir boa parte dos convidados.

 

Pois não havendo orçamento (a ideia de pedir às pessoas para pagarem a despesa está fora de questão), o aniversário foi festejado em casa, com a família mais próxima e o tradicional tacho de caracóis.

 

A celebração das bodas de prata ficaram resumidas ao agendamento de um jantar com o filho (a filha está em Lisboa, em época de frequências) ...que se teria realizado caso o gaiato não tivesse adoecido. 

E assim ficámos em casa. Cozinhei uma sopa e passámos um serão perfeitamente normal - eles no sofá a verem um filme e eu no atelier de costura.

 

Caso o "piqueno" não melhore, a lua-de-mel reservada para ter início amanhã, também terá de ficar suspensa.

 

E a minha filha.

Recusou-se a participar na bênção das pastas. Nem quer ter fitas.

Nada.

 

Se estou chateada?

Claro que estou!

Mas o meu epicentro são pormenores mais importantes: a saúde dos que amo, a união, a entre-ajuda e apoio com que vivemos diariamente.

isto é a vida.

É o que é!

E esta é boa.

 

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.