Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Qui | 01.02.18

Há 6 meses com uma 3ª face

6 meses.png

 

Há meio ano que criei um novo rosto, em que as rugas são palavras e os sorrisos têm a forma de parágrafos.

Este blog nasceu de uma teimosia contra o meu fado: não hei-de vergar, não hei-de deprimir, não hei-de ressequir a pouca inteligência que tenho... 

Na verdade, pensei que me fosse fartar no final do primeiro mês. E também julguei que passasse despercebida, transformando o blog num pequeno diário íntimo.

Enganei-me. Passaram seis meses e assumo que estava tão enganada! O meu querido blog é um caso de amor, por quem suspiro quando não tenho tempo para o mimar. E é um desafio constante ao meu intelecto e criatividade. Estimula-me a capacidade de pensar e de interpretar aquilo que vivo.

E quantas vezes, ao ler o que acabei de escrever, me descubro naquilo que desconhecia ser!

Neste trilho, alguns incentivos ajudam-me a continuar caminho: as leituras, os comentários, os subscritores, os 8 destaques que o gentil Sapo me concedeu!

Às vezes duvido que o meu blog faça sentido para os outros e reconheço que, se calhar, deveria ter 3 blogs com temas específicos: um para divagar, outro para a poupança e passatempos e um último para artesanato. Mas não consigo! Eu expliquei no post de apresentação a razão da escolha do nome: tenho 3 faces e só assim me sou por inteiro. E por enquanto, isso basta-me!

 Acho que vou continuar por aqui. Obrigada a todos! 

 

 

6 comentários

Comentar post