Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Qua | 23.10.19

Mais vale pouco que nada (a poupança em ditados #23)

 

IMG_20191022_174934.jpg

 

O que têm em comum uns óculos, um estojo de lentes de contacto e uns comprimidos?

Poupança, meus amigos. Poupança - ou a falta dela!

 

Tive uns óculos de massa que usei quase uma década. Ainda os tenho mas, há cerca de dois anos, quando fui à revisão, aumentei um quarto de dioptria e decidi aligeirar o visual.

Comprei uns óculos quase invisíveis, sem aros.

 

Óculos:

Há um mês, a armação soltou-se de um dos lados e fui à óptica pedir que mos arranjassem porque tinha medo de fazer asneira.

Diagnóstico: o pino minúsculo que encaixa na lente partiu-se. Só comprando nova armação e aproveitar as lentes…

Os óculos têm menos de 2 anos…nem posso ainda pedir comparticipação da ADSE. Levei-os para casa, a pensar que poderiam ser soldados. Achei que não e colei-os com cola de contacto.

Ainda cá andam…provavelmente não duram muito mas voltarei a colá-los. E entretanto, marcarei consulta para confirmar as dioptrias.

 

Conselho nº 1: não comprem armações pouco resistentes.

 

Lentes:

Quando tenho tempo de manhã e durmo o suficiente para os olhos aguentarem as lentes, prefiro usá-las.

Costumava comprá-las na óptica mas descobri que as lojas online têm preços imbatíveis e por isso, faço uma encomenda anual de um kit com a solução líquida, por pouco mais do preço de uma caixa.

Cada frasco de solução oferece um estojo para guardar as lentes, o que é um desperdício.

 

Conselho 2: pesquisem preços mas em lojas fiáveis, para garantir a qualidade.

 

Comprimidos:

Foi-me diagnosticado um problema de saúde que requer vigilância.

Uma nuvem negra que irá pairar por muito tempo.

A médica sugeriu-me um suplemento alimentar, cujos estudos científicos estão a comprovar a eficácia: coriolus versicolor.

Inicialmente, tomei 12 por dia.

Agora tomo 6 por dia: 3 ao almoço e três ao jantar.

Com a azáfama, fico sempre na dúvida se os tomei ou não e achei melhor comprar uma caixa de comprimidos.

Eu disse comprar?

Para quê, se tenho estojos das lentes grátis e que jogo fora?

Digam lá se não encontrei a caixa perfeita:

 

IMG_20191022_175109.jpg

 

Conselho nº 3: antes de comprar algo que acham que precisam, investiguem se não têm lá por casa algo que possa ser reutilizado ou transformado. Pode ser quase nada mas já é uma poupança.

 

Ah, e quanto ao suplemento alimentar:

É para tomar durante um ano e é caríssimo!

Já comentei que me saía mais barato pagar uma histerectomia do que os comprar.

E como não percebo muito do assunto, desafio o Triptofano para falar sobre o Coriolus Versicolor.

Parece-me um assunto muito pertinente.

Aceitas, Trip?

 

 

 

25 comentários

Comentar post