Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Seg | 09.10.17

Pêlo sim , pêlo não

moda pelo.png

 

É bem verdade que a moda é cíclica e passa depressa mas o conforto e a comodidade das actuais tendências, na minha modesta opinião, deveriam ser perpétuas.

Durante o verão, a moda de usar o fato-de-banho a qualquer hora e lugar facilitou a vida a muita gente, que passou directamente da praia para a discoteca sem ter que ir a casa mudar de roupa. A colecção de Inverno, onde predomina a faux fur, essa então, deveria manter-se para o resto da vida! E isto por duas grandes razões:

 

1ª) faz parte do meu imaginário de infância, ver as velhotas da minha rua irem de manhã à padaria comprar os papo-secos para o mata-bicho em robe e chinelos de quarto! Também há 20 anos, quando vivi alguns meses felizes em Olhão, era comum as olhanenses irem ao mercado municipal comprar o peixe com essas peças garridas e confortáveis, que eu adorava apreciar!

Afinal, essas influencers de antigamente, estavam na vanguarda da moda e terão servido, inocentemente, de inspiração aos novos criadores;

 

2ª) no tempo frio, a primeira coisa que faço, quando entro em casa, é vestir um robe e calçar uns chinelos quentinhos.  Regala-me pensar que, a partir deste inverno, posso dormir vestida e, de manhã, sair directamente para o trabalho sem passar pela tortura de me despir e vestir a bater o dente. Basta passar a escova pelo cabelo e chegarei ao trabalho com o melhor outfit fall/winter 2017/2018: um casaco oversize  e sapatos de pêlo e umas calças tartan, de corte largo.

E ainda posso ficar uns minutinhos extra na cama, cheia de estilo debaixo do edredão.

 

Observem e digam lá se não há modas perfeitas?

PA010194.jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.