Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A 3ª face

Ter | 26.03.19

Que tenho eu de errado?

 

hammock-2036336_1280.jpg

 

Estamos em plena época da caça à nota, na Função Pública, já que a lei limita os Relevantes a 25% do total de trabalhadores.

 

Numa altura em que todos se esfalfam para ganhar um Relevante, eu acabo de prescindir do que me deram...

Há um mês recusei uma promoção, com o respectivo aumento de quase mil euros por mês.

Agora, viro costas a uma nota que me iria ajudar a progredir no índice remuneratório mais depressa.

 

Que tenho eu de errado?

Costumo dizer que humildade em demasia se transforma em arrogância... e começo a temer por mim.

Mas, na verdade, tenho a sensação de que pertenço a um mundo mais acima, onde a justiça, a equidade e o mérito são os valores reinantes.

E não consigo descer para me misturar... 

 

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    A 3ª face 27.03.2019

    Na função pública, a avaliação de desempenho é bienal e é traduzida em pontos. Um "adequado" é a nota média e dá-te 2 pontos. Um "relevante" (muito bom) traduz-se em 4 pontos. Precisamos de 10 pontos para subir de índice remuneratório e aumentar o ordenado.
    Quanto mais pontos, mais depressa conseguimos ganhar mais! Apenas com "adequados", demoramos 10 anos a subir de escalão ...
  • Imagem de perfil

    Paula Rocha 28.03.2019

    Entendido.
    Assim sendo adoro e admiro a tua humildade.
    Beijinhos
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.